quarta-feira, 2 de março de 2011

Figura de Fada


 Tela de Jia Lu


Deixa ser eu sua sombra,
Clara figura recortada
De um corpo de fada.
Pássaro alado ressuscitado de mim,
Inaudível anjo a espreitar sua fala.

Sinta como te chamo no ar.
Entre as ondas sou pétala solta,
Perdida do seu olhar.

Estou sozinha e cansada,
Vagando esse corpo frágil
Em seu vazio inexorável.
Cose-me com suas cicatrizes,
Minha alma a sua.

Ouço quando falas
Com receio os seus segredos.
Volátil e vermelho,
Escuro como sangue,
Entrecortado de beijos,
Enrolados de silêncios.

Vejo-te na varanda,
Volúpia inflamada
De amor e de desejo.
Eu, figura de fada,
Recortada de uma sombra
Pouso ondulante e breve
No mar, mas não te tenho.

12 comentários:

Andressa disse...

Eu, figura de fada,
Recortada de uma sombra
Pouso ondulante e breve
No mar, mas não te tenho.

Vozes de Minha Alma disse...

E quem é esta que escreve brilhantemente?
É a moça que cintila nas palavras.
Um abraço Raquel, seja bem vinda, bjs.
Posso te seguir?

O que Cintila em Mim disse...

Venha comigo, segure minha mão com força que não te deixarei cair.

Abraço

Paulo Roberto Wovst Leite disse...

Olha pra o fogo.
Ele é quem nos dá as regras do jogo.

Abraço

manuel marques disse...

Cortei-lhe as asas para não voar. E a linda fada fez de suas penas lindos poemas para me embalar.



Beijos meus.

Vinicius.C disse...

Olá!!!

Estou feliz em ve-la no Alma e corri aqui para contar!!

Por favor seja sempre bem vinda!!

"Deixa ser eu sua sombra"... nossa!!

Pedir que sejas tua sombra0minha sombra.
Sair tatiando, inventando esbarrões, dando de ombros e querendo mais e mais o escuro que te escondes.

Um beijo enorme!

Nos encontramos no Alma.

Vinicius.

Betha Mendes disse...

Imensamente lindo este desejo de fada em versos sedutores e surreais!!!

bj

Betha

Ira Buscacio disse...

Um belo espaço repleto de sensibilidade. Parabéns!
Bj

Vinicius.C disse...

Olá!!!

Quero agradecer o carinho deixado no Alma que bom que gostou!!

Espero ve-la mais vezes por lá!

Um beijoe ótimo carnaval!

Nos encontramos no Alma.

rosadocairoshannyalacerda.blogspot.com disse...

É inaudível ver o sol aquiescendo o véu da lua às palavras, mas é perceptível ver o sol dourando o universo feminil das letras, perâmbulando por entre as vastidões do sentir.

como sempre adorei vir aqui...! bjins

Amor feito Poesia disse...

Nunca deixe que lhe digam que não vale a pena
acreditar nos sonhos que se têem
ou que os seus planos nunca vão dar certo
ou que você nunca vais ser alguém...

Renato Russo

Agradeço o carinho de sua amizade.
Beijos & Flores no seu FDS! M@ria

luiz gustavo disse...

chuva persistente:
ainda à procura
de um córrego vazio...